OUTROS PROJETOS

Projetos pré-históricos

Projetos pré-históricos

A história das redes, desde as redes dos fabricantes de computadores (como a VNET da IBM), as redes militares (como a Arpanet), as redes de investigação (como a BITNET), redes libertárias (como a USENET) até à fusão com a Internet é uma história jovem que começou no final dos anos 60 e culminou na Internet e na Web depois de 1992.

A pré-história de OBDILCI é o período entre 1988 (nascimento de FUNREDES) e 2009, que foi rico em experimentações inovadoras.

O Observatório, durante o período em que foi um projeto da ONG FUNREDES, foi pioneiro no domínio da diversidade linguística na Internet em vários aspectos. Seguem-se ligações para alguns desses projectos e dados pioneiros.

– Se quiser explorar as medidas iniciais das línguas na Internet, consulte o nosso sítio pré-histórico (1996-2005) em Espanhol.

– Se quiser ver o nosso trabalho sobre a comparação das representações de culturas na Internet (2005) ou o nosso segundo conjunto de medições de certas línguas na Internet, pode visitar o nosso “sítio histórico(2005-2008) em Espanhol.

MULBRI(1992-1995) uma das primeiras interfaces de software para Redes de Investigação num computador pessoal, com 3 versões linguísticas desde a primeira versão. O MULBRI serviu os utilizadores das redes dominicanas (REDID) e haitianas (REHRED), inicialmente redes de protocolo UUCP, durante os primeiros anos destas redes nacionais, mas não conseguiu encontrar financiamento para criar uma versão compatível com o protocolo TCP-IP da Internet.

Ver: “MULBRI, a State-of-the-Art PC Based Interface to Research Networks”, Proc. of Network Service Conference, Pisa, 11/1992.

Ver: “El Interfaz MULBRI y la Gestión de Información en Redes académicas”, pp211-224 in Una nueva manera de comunicar el conocimiento, UNESCO/CRESALC, 11/1993.

Ver: https://funredes.org/gopher/c/6/6.4/6.4.3/6.4.3.2/6.4.3.2.3/m44323.html (em espanhol)

SALSA (1992-2011) uma das primeiras experiências mundiais de utilização da tradução automatica por software numa conferência eletrónica. A SALSA era uma conferência eletrónica aberta sobre o tema da cultura nas Caraíbas e contava com cerca de uma centena de utilizadores que partilhavam em francês, espanhol ou inglês. Na sua primeira versão, esteve alojada nos servidores do projeto da rede venezuelana (a partir de 1992) e, numa segunda fase, foi transferida para os servidores do FUNREDES em 2000, com o início da experiência de tradução automática ligeiramente revista pelo moderador.

Ver: https://funredes.org/salsa

– Durante a primeira parte do processo da Cimeira Mundial para a Sociedade da Informação (1998-2000), Funredes manteve este sistema de tradução automática para a lista de discussão do plenário mundial da sociedade civil, bem como para a lista africana.

Ver https://funredes.org/cmsi/index.htm?lang=es (em Espanhol)

TRADAUTO(2003) : O processo foi posteriormente generalizado e foi criada uma página dedicada a este sistema.

Ver: https://funredes.org/tradauto (em Inglês)

Esta abordagem evoluiu depois para uma plataforma, denominada Goodle, organizada sobre o Moodle que, utilizando a API do Google Translate, oferecia, num menu integrado, todas as possibilidades de tradução permitidas pelo Google Translate. Esta plataforma foi utilizada em 2009 no âmbito do projeto WINDS-Caraibes e em 2012 no âmbito do projeto CARIB-RISK-CLUSTER.

EMEC/PAD (2007) Uma experiência com um dispositivo mais ambicioso foi posteriormente realizada durante o projeto MISTICA (2000-2007) em dois eixos:

EMEC: (Efficient Management of Electronic Conference) uma equipa humana produzia um resumo da mensagem e era oferecida ao utilizador a síntese e a tradução automática, seguidas da mensagem na sua língua original o PAD: (Remote Participation) permitia aos membros da comunidade virtual não presentes durante as conferências presenciais influenciar os debates de forma assíncrona. Um resumo era partilhado nas 3 línguas no final de cada sessão da ordem de trabalhos e as reacções eram lidas no início da sessão seguinte.

Ver: https://funredes.org/emec (em Inglês)

Ver: https://funredes.org/mistica/english/emec/method_emec/EMECmethodology.html (article published in Upgrade, digital journal of Council of European Professional Informatics Societies, Vol 3 N1, 2/2002)

Ver: https://funredes.org/mistica/english/cyberlibrary/methodology/ for PAD (em Inglês)

CARDICIS(2004-2006) Foi desenvolvido um projeto muito ambicioso e muito estruturado, através de duas fases e dois encontros presenciais, para apoiar a sociedade civil das Caraíbas a ter em conta, para a construção da Sociedade da Informação das Caraíbas, o complexo diversidade/unidade cultural e linguística desta região constituída por ilhas onde as fronteiras virtuais se manifestam em 4 línguas principais, por ordem de importância demográfica: Espanhol, Francês, Inglês e Crioulo.

Ver: https://funredes.org/cardicis

Projetos de OBDILCI

  • Indicadores da presença das línguas na Internet
  • As línguas da França na Internet
  • Francês na Internet
  • Português na Internet
  • Espanhol na Internet
  • IA e multilinguismo
  • DILINET
  • Projetos pré-históricos